Mauricio Kaye/Divulgação
Mauricio Kaye/Divulgação

Alison busca tri do Rei da Praia em final com Ricardo

Se vencer, jogador será o primeiro atleta a conquistar título por três vezes seguidas

AE, Agência Estado

16 de fevereiro de 2013 | 14h05

RIO - O objetivo de tirar a coroa de Rei da Praia de Alison só pode ser alcançado por apenas um jogador. Neste sábado, Ricardo venceu o Grupo B do torneio, que está sendo realizado na praia de Ipanema no Rio, e vai enfrentar Alison, campeão do Grupo A, na final de domingo, às 12 horas.

Atual bicampeão do Rei da Praia, Alison tentará se tornar o primeiro atleta a vencer por três vezes consecutivas o torneio. Para Ricardo, a possível conquista no domingo também não será inédita, já que ele venceu a disputa em 2002. Além disso, participou de todas as 15 edições do torneio.

Para a decisão deste domingo, eles terão que escolher o parceiro entre Bruno Schmidt, Emanuel, Evandro, Harley, Pedro Cunha e Pedro Solberg para formar a dupla. Porém, Alison não pode selecionar Emanuel, enquanto Ricardo não pode optar por Pedro Cunha porque eles são seus parceiros originais.

Neste sábado, Alison dominou completamente a disputa do Grupo A e venceu as três partidas que disputou. Na estreia, ele jogou ao lado de Evandro e derrotou Bruno Schmidt e Pedro Cunha por 21/19. Na segunda rodada, com Pedro, superou Evandro e Bruno por 21/19. No jogo decisivo, Alison, em parceria com Bruno, bateu Evandro e Pedro por 21/14.

"Vim para o torneio com o objetivo de buscar o tricampeonato e dei o meu melhor em cada jogo. Em cada jogo passei por uma situação diferente e consegui vencer, apesar do equilíbrio. Com o Evandro precisei defender, ao lado do Pedro atuei na saída de rede, que não é a minha posição, e no último jogo tive que motivar o Bruno, que apesar de entrado animado para me ajudar, não tinha mais chances de classificação. O Ricardo é um grande jogador, com um currículo incrível. Que vença o melhor", afirmou Alison.

Já Ricardo teve mais dificuldades e avançou no Grupo B com duas vitórias e uma derrota. Ele estreou com Pedro Solberg e bateu Emanuel e Harley por 21/14. Na segunda rodada, reeditou a dupla campeã olímpica de 2004 com Emanuel e perdeu para Pedro e Harley, campeões do Circuito Mundial em 2008, por 21/19. No último jogo, ele precisava de uma vitória por três pontos de diferença e conseguiu. Ao lado de Harley, Ricardo derrotou Pedro e Emanuel por 21/13.

"Estou muito feliz por voltar à final do Rei da Praia. A vitória com boa margem de pontos que consegui ao lado do Pedro no primeiro jogo nos colocou em vantagem em relação ao outros e praticamente reduziu a disputa a nós dois. Consegui jogar bem também com o Emanuel, apesar da derrota, e com o Harley. O Alison vai vir com força total para lutar pelo tricampeonato na final. Preciso manter este nível de jogo para a final, principalmente o padrão do saque do terceiro jogo, que foi muito importante", disse Ricardo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.