Andrea Anastasi reassume o comando da seleção italiana

Técnico é a esperança para a recuperação da equipe de vôlei, que perdeu sua força no cenário internacional

17 de outubro de 2007 | 13h00

O técnico Andrea Anastasi assumiu mais uma vez o comando da seleção masculina de vôlei da Itália, ao assinar um contrato válido até 2010.   Anastasi, de 47 anos, que substitui no cargo Gian Paolo Montali, será apresentado oficialmente na próxima segunda-feira, em Milão. O treinador esteve à frente da seleção italiana de vôlei de 1999 a 2002.   Como técnico italiano foi campeão europeu em 1999, sendo o primeiro a ter vencido a competição como atleta e treinador. Além disso, venceu duas Ligas Mundiais e ficou com a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Sydney, em 2000.   Anastasi estava atualmente no comando da seleção da Espanha, coma qual também foi campeão europeu. O italiano havia comunicado à Federação Espanhola de Vôlei, no dia 8 outubro, que não continuaria no comando da seleção nacional.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiseleção italiana

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.