Argentina quer fazer bonito na fase final da Liga Mundial

Os argentinos pegam Cuba na quarta-feira, abrindo as disputas em Belgrado, e enfrentam o Brasil na sexta

EFE

19 de julho de 2009 | 19h30

Garantida na fase final da Liga Mundial de vôlei, a seleção argentina viajou neste domingo à Sérvia e espera fazer bonito contra os adversários, entre eles o Brasil. Os argentinos se classificaram como segundos colocados do grupo B, atrás dos anfitriões. Foram sete vitórias e cinco derrotas na chave, que contou ainda com Coreia do Sul e França.

Veja também:

linkBrasil bate Venezuela e entra com moral nas finais da Liga

"Vamos sabendo que não somos favoritos, já que enfrentaremos as duas melhores equipes da Liga Mundial. Queremos vencê-los. É difícil, mas não impossível", disse o técnico Javier Weber, que atuou como levantador no vôlei brasileiro. "Nosso sonho é chegar às semifinais, embora muitos achem que já cumprimos nosso objetivo apenas com a classificação", completou.

Os argentinos pegam Cuba na quarta-feira, abrindo as disputas em Belgrado, e enfrentam o Brasil na sexta. O líbero Pablo Meana lembrou que a Argentina fez um jogo "aceitável" contra Cuba há dois meses, mas disse que enfrentar o Brasil é "algo à parte".

"Embora eles (os brasileiros) tenham tido grandes atuações nesta liga, nós vamos fazer nosso jogo. Sabemos que merecemos esta possibilidade de jogar com os melhores do mundo e vamos aproveitar, fazendo um grande papel", ressaltou.

Tudo o que sabemos sobre:
Liga Mundial de vôlei

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.