Divulgação
Divulgação

Astro do vôlei, Giba oficializa sua filiação ao PSDB

Apesar da ligação, atleta não pretende concorrer a cargos em 2014

ELIZABETH LOPES, Agência Estado

28 de setembro de 2013 | 20h21

SÃO PAULO - O medalhista olímpico do vôlei Gilberto Amauri Godoy Filho, o Giba, de 36 anos, filiou-se neste sábado ao PSDB, durante evento do partido realizado em Curitiba. Ao lado do provável presidenciável do PSDB nas eleições gerais do ano que vem, senador Aécio Neves, e do governador do Estado, Beto Richa, o atleta disse que, por enquanto, não tem planos para disputar um cargo eletivo nas eleições 2014, mas achou importante se filiar a um partido que possa colocar em prática projetos de estímulo ao esporte e ao vôlei para as crianças e adolescentes.

"Estou sempre em contato com prefeitos, governadores e embaixadores falando sobre isso", justificou Giba, que foi medalhista de ouro pelo Brasil na Olimpíada de Atenas, em 2004, e de prata nos Jogos de Pequim, em 2008, e de Londres, em 2012.

Giba disse que recebeu convite de várias siglas, mas optou pelo PSDB porque seu pai já havia trabalhado com José Richa (falecida liderança tucana, pai do atual governador). Segundo Beto Richa, o atleta vai fazer toda a diferença no PSDB porque "é sério, competente e trabalhador". E tem preocupações em desenvolver ações que estimulem as crianças e os jovens a ter uma vida saudável e vinculada ao esporte.

Atualmente, o jogador atua no time de Taubaté, no interior de São Paulo, que disputa a Superliga Masculina de Vôlei. Um dos maiores nomes da história do vôlei do Brasil, Giba também foi campeão mundial pela seleção em 2002, 2006 e 2010.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiGibaPSDB

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.