BCN Osasco é campeão no vôlei

O BCN Osasco venceu o São Caetano por 3 sets 0, nesta terça-feira à noite no ginásio Professor José Liberatti, e conquistou o título de campeão paulista feminino de vôlei. O time de Virna precisou de uma hora e 13 minutos para definir a partida com parciais de 25/19, 25/19 e 25/20, fechando a série final melhor-de-três por 2 a 1 (ganhou o primeiro jogo em São Caetano e perdeu o segundo em casa). Comandada pelo técnico José Roberto Guimarães, medalha de ouro com a seleção masculina na olimpíada de 1992, a equipe conquistou o seu terceiro título. O primeiro foi em 1994, quando a sede era no Guarujá, e o outro em 1996, já em Osasco. O São Caetano surpreendeu ao chegar à final e levar a série decisiva para o terceiro jogo, mas nesta terça-feira prevaleceu o favoritismo da equipe que contou com o apoio de 4.500 torcedores e com estrelas da seleção brasileira, como Janina e Virna. O time do ABC teve o comando de dois técnicos. Willian Carvalho, que vai assumir a equipe, atuou como assistente técnico de Hairton Cabral de Oliveira. Mas nem o comando de dois treinadores foi o suficiente para permitir que o modesto time de São Caetano tirasse o título do poderoso BCN. "Minhas meninas fizeram o que era possível, mas seria muito difícil ganhar pela segunda vez de um time como o BCN. Para a Federação Paulista, o campeão é o BCN, mas para mim, as minhas jogadoras é que são as campeãs", afimou Hairton, orgulhoso do time. O técnico José Roberto Guimarães, do BCN, elogiou o adversário, mas observou que seu time ficou muito forte com Virna como principal atacante e Patrícia Coco atuando na saída rede. "Tivemos muito volume de jogo."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.