Jonne Roriz/Estadão
Jonne Roriz/Estadão

Bernardinho se preocupa com jogos em casa e pede foco

Técnico teme que nervosismo dos novatos prejudique o desempenho da seleção no Ginásio do Ibirapuera

AE, Agência Estado

25 de junho de 2013 | 17h37

SÃO PAULO - Bernardinho admitiu nesta terça-feira que está preocupado com os próximos jogos da seleção brasileira masculina de vôlei na Liga Mundial. Mas não é o adversário, a França, que assusta. É o fato de jogar as duas próximas partidas em casa, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. O técnico teme que o nervosismo dos novatos prejudique o desempenho da seleção diante de sua torcida.

Ao menos cinco jogadores atuarão em casa com a camisa da seleção pela primeira vez: os ponteiros Lucarelli e Lipe, o central Maurício, o levantador William e o oposto Renan. "Há um certo nervosismo natural por estar ao lado da torcida e de pessoas que eles conhecem. Tudo isso gera ansiedade", afirmou o treinador.

Para evitar essas distrações, Bernardinho cobrou foco dos seus comandados. "Temos que cuidar para que eles não percam o foco em função das solicitações, das demandas, desde familiares, eventuais questões profissionais e de imprensa e temos que ter um certo cuidado. O foco tem que estar no jogo", declarou.

A concentração dentro de quadra será decisiva porque Bernardinho acredita que a seleção sofrerá maior pressão dos adversários nas próximas rodadas, em razão do grande desempenho nos primeiros jogos. O Brasil venceu as quatro primeiras partidas, contra Polônia e Argentina. Os triunfos sobre os poloneses surpreenderam mais por serem os atuais campeões da Liga.

"Embora o grupo tenha feito bons jogos nos dois primeiros finais de semana, a pressão no Brasil vai ser grande, já que os times que estão brigando para classificar são os três times que vamos enfrentar. Associado à questão de jogar no Brasil com os times que buscam resultados, certamente temos que controlar essa ansiedade", pregou Bernardinho. O Brasil fará os dois jogos contra a França na sexta e no sábado, ambos no Ibirapuera.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiLiga MundialBrasilBernardinho

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.