Brasil atropela a Itália e está perto da semifinal do Mundial

A seleção brasileira masculina de vôlei deu um grande passo rumo à classificação às semifinais do Mundial do Japão ao derrotar, no final da madrugada desta terça-feira (horário de Brasília), em Hiroshima, a Itália por 3 sets a 0. O jogo, com 1h12min de duração teve as parciais de 25/23, 25/20 e 25/20.Às duas horas da madrugada desta quarta (também no horário de Brasília), o time dirigido por Bernardinho terá pela frente a surpreendente Bulgária, que nesta terça bateu a França, de virada, por 3 a 2 - parciais de 23/25, 22/25, 25/22, 25/22 e 15-10. Os búlgaros lideram o Grupo F, com 12 pontos, e logo em seguida vem o Brasil com 11. Itália e França, que fazem o outro jogo desta quarta, estão com 10 pontos cada e torcem por uma derrota brasileira para ainda terem chance de classificação.Na partida contra os italianos, o primeiro set começou nervoso e muito equilibrado, disputado ponto a ponto até o Brasil abrir dois pontos (21 a 19). Depois disso, o time soube administrar a vantagem até fechar a parcial em 25 a 23.Logo no início do segundo set, um susto: Dante machucou o polegar direito e deixou todos preocupados. Mas, logo o atacante se recuperou. Neste set, ao contrário do primeiro, o bloqueio brasileiro funcionou, assim como o ataque, e o time não encontrou dificuldade em abrir 6 pontos em duas ocasiões (19 a 13 e 20 a 14) e se impor em quadra para fechar com categoria: 25 a 20.No terceiro set, o time esteve perto da perfeição em todos os fundamentos. Além de errar pouco, soube se aproveitar dos erros da nervosa equipe italiana. "Estivemos perto do nosso melhor jogo, mas ainda não estamos matematicamente classificados", resumiu o técnico brasileiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.