Brasil bate França pela segunda vez no vôlei masculino

O Brasil voltou a derrotar a Françaneste domingo pela Liga Mundial de Vôlei. Com as duas vitóriasdeste fim de semana, o Brasil fica com 18 pontos e praticamenteassegura a primeira colocação de seu grupo na faseintercontinental. Como país-sede, o Brasil já está classificado para a fasefinal. Caso confirme a primeira colocação, a vaga destinada aoserá do segundo colocado, de acordo com a ConfederaçãoBrasileira de Voleibol. O Brasil superou a França neste domingo, vencendo por 3sets a 0, parciais de 25-17, 25-21 e 25-19, no ginásio doMineirinho, em Belo Horizonte. No sábado, o time do técnico Bernardinho havia derrotado aequipe do treinador Philippe Blain também por 3 a 0 (25-22,25-17 e 27-25) em partida de 1h21. O maior pontuador deste domingo foi Dante, que cravou 14pontos, dos quais 11 de ataque e três de bloqueio. "Ainda não estamos 100 por cento, mas essas partidas dianteda França, que tem grande volume do jogo, testaram a nossapaciência. Agora precisamos dar continuidade ao trabalho,pensar em Goiânia, onde enfrentaremos a Venezuela, que é umduro adversário. Depois, voltar o pensamento para as finais epara os Jogos Olímpicos", disse Dante, de acordo com a CBV. O jogo deste domingo contou com a presença do meio-de-redeRodrigão pela primeira vez na Liga Mundial de 2008. Ele estavaparado havia quatro meses por conta de lesão no joelho. "O Brasil jogou melhor que no sábado e aí ficou difícilpara nós. Nosso time é bastante jovem. É bom enfrentar oBrasil, pois é neste tipo de partida que ganhamos experiência evemos o quanto temos que crescer para estar entre os melhores",disse o capitão da equipe francesa, o central Hardy Dessources,25, segundo a CBV. A seleção feminina de vôlei bateu Cuba no sábado esagrou-se heptacampeã do Grand Prix por antecipação. O time dotécnico José Roberto Guimarães venceu a equipe cubana por 3sets a 0, na fase final da competição, disputada no Japão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.