Brasil derrota Itália e mantém 100% no Grand Prix

A seleção brasileira feminina de vôlei manteve o aproveitamento de 100% no Grand Prix neste domingo, ao derrotar a Itália por 3 sets a 1, com parciais de 25/23, 24/26, 25/18 e 25/18, na cidade de Almaty, no Casaquistão. Com o resultado, o Brasil terminou esta fase na liderança do Grupo F, com nove pontos.

AE, Agência Estado

14 de agosto de 2011 | 11h23

A equipe do técnico José Roberto Guimarães voltará à quadra na próxima sexta-feira para enfrentar a seleção de Cuba, às 4 horas da manhã (horário de Brasília), pela fase seguinte do Grand Prix, que será disputada na Tailândia. As brasileiras também vão enfrentar a Argentina e as anfitriãs, pelo Grupo K.

No clássico deste domingo, as brasileiras tiveram maior dificuldade do que nas duas partidas anteriores, mas não tiveram a vitória ameaçada. Lideraram o set inicial com tranquilidade até fechar a parcial. A Itália chegou a esboçar uma reação, ao vencer o segundo set por 26/24.

Mas não conseguiu acompanhar o ritmo brasileiro no terceiro set. Mostrando eficiência no saque, as campeãs olímpicas abriram 10/05 e embalaram no jogo. Fecharam a terceira e a quarta parciais por 25/18, sem dar chances às rivais. Os destaques da partida foram as ponteiras Paula Pequeno, responsável por 15 pontos, e Mari, com 14 acertos.

OUTROS RESULTADOS - Os Estados Unidos perderam a invencibilidade no Grand Prix, ao cair diante da Sérvia por 3 sets a 1 (25/12, 17/25, 25/23 e 25/15), em Komaki, no Japão, pelo Grupo G. Pela mesma chave, a seleção japonesa venceu a República Dominicana, também por 3 a 1 - 25/22, 26/24, 23/25 e 25/20.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiGrand PrixBrasilItália

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.