Brasil pega Polônia, Canadá e Finlândia na Liga Mundial

Maior campeão da história da Liga Mundial, com nove títulos conquistados, a seleção brasileira masculina de vôlei conheceu neste sábado os seus adversários na próxima edição da competição. O Brasil caiu no Grupo B, ao lado de Polônia, Canadá e Finlândia, contra quem jogará entre os dias 18 de maio e 1º de julho - a fase final acontecerá de 4 a 8 de julho, em Sofia, na Bulgária.

AE, Agência Estado

17 de dezembro de 2011 | 20h21

Além dos futuros adversários do Brasil, a Federação Internacional de Vôlei (FIVB) divulgou neste sábado as outras três chaves da primeira fase da Liga Mundial. No Grupo A, a atual campeã Rússia jogará contra Sérvia, Japão e Cuba. No C, estão as seleções de Itália, Estados Unidos, França e Coreia do Sul. E o D é formado por Alemanha, Argentina, Portugal e Bulgária.

Por conta do calendário apertado de 2012, ano da Olimpíada de Londres, a FIVB também resolveu mudar o sistema de disputa da próxima edição da Liga Mundial. Assim, a primeira fase deixa de ser realizada em seis semanas, sendo reduzida para quatro. Dessa maneira, as quatro seleções de cada grupo irão se reunir num único país, a cada fim de semana, para jogarem todas contra todas.

Dessa maneira, o número de jogos da primeira fase será mantido, com 12 para cada seleção participante, mas serão três partidas por rodada, ao invés de duas. Assim, o Brasil abre sua participação jogando no Canadá. Depois, receberá os seus três adversários numa cidade brasileira ainda indefinida. Na sequência, viaja para a Polônia. E, por fim, faz mais três confrontos na Finlândia.

Outra mudança importante na próxima Liga Mundial envolve a fase final. Agora, apenas seis seleções avançam para a disputa do título, ao invés das oito que foram para a Polônia na edição deste ano - na ocasião, o Brasil perdeu a decisão para a Rússia. Os classificados serão os que ficarem em primeiro lugar de cada grupo, o melhor segundo colocado entre todos e a anfitriã Bulgária.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiLiga Mundial

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.