Brasil vence e segue invicto no Mundial Feminino de Vôlei

A seleção brasileira feminina manteve-se com 100% de aproveitamento no Mundial de vôlei do Japão ao superar sem dificuldades, na madrugada deste domingo (horário de Brasília), Camarões por 3 sets a 0, com parciais de 25/13, 25/14 e 25/8, em seu último jogo no Ginásio Green Arena, localizado na cidade de Kobe.Com o resultado, a equipe dirigida pelo treinador José Roberto Guimarães confirmou a primeira colocação do Grupo C do torneio, com dez pontos - cinco vitórias consecutivas. As africanas, que foram eliminadas, terminaram na lanterna da chave. A segunda posição ficou com os Estados Unidos, que ganharam de Porto Rico por 3 a 0 (25/14, 25/16 e 25/15). O lado ruim do confronto foi a lesão da ponteira Sassá, que torceu o pé direito durante o aquecimento e não entrou em quadra. Ela ficou no banco de reservas com as companheiras fazendo tratamento no local.Já classificado para a segunda fase, o time de Zé Roberto utilizou o jogo com Camarões para fazer alguns testes e dar ritmo às jogadoras que não estavam atuando. Exemplo da ponta Paula Pequeno e da oposto Renatinha, que começaram pela primeira vez atuando como titulares.Agora, a seleção brasileira segue para Osaka, onde acontece a segunda fase do Mundial. As atuais campeãs do Grand Prix irão estrear na próxima etapa da competição na quarta-feira, às 7 horas (de Brasília), contra o Azerbaijão. Na briga por uma vaga nas semifinais, a equipe ainda pega China, Rússia e Alemanha. Os resultados computados na fase de classificação continuam válidos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.