Brasil vence Iugoslávia por 3 sets a 0

Após um ?tropeço?, como o técnico Bernardo Rezende, o Bernardinho, definiu a derrota para Cuba, a seleção brasileira masculina de vôlei venceu a Iugoslávia, campeã olímpica e européia, neste sábado, no Ginásio Metropolitano de Tóquio, pela Copa dos Campeões. O Brasil derrotou os iugoslavos por 3 sets a 0 (com parciais de 26/24, 25/20 e 25/22).Mas os cubanos também venceram na rodada, mantendo a liderança da competição. Cuba perdeu o primeiro set para o Japão, mas reagiu e fechou a partida por 3 a 1 (22/25, 25/18, 25/18 e 25/13). Ainda na rodada de ontem, a Coréia derrotou a Argentina por 3 a 1 (23/25, 27/25, 25/21 e 25/12).Cuba chegou à decisão invicta, com quatro vitórias, oito pontos na classifcação e favorita diante da Argentina. Os brasileiros perderam apenas um jogo, justamente para os cubanos, somam três vitórias e sete pontos.O time de Bernardinho encerra participação na Copa dos Campeões, neste domingo, jogando contra o Japão, às 7 horas (horário de Brasília). Coréia e Iugoslávia também jogariam, na madrugada. Se vencer, Cuba assegura o título, e o prêmio de US$ 400 mil, e o Brasil a segunda colocação e os US$ 250 mil reservados ao vice-campeão.Bernardinho ficou satisfeito em ver o time reagir, depois da derrota para os cubanos, no tie-break, sexta-feira. ?Foi um jogo muito bom para nós. É difícil um time recuperar-se depois de uma derrota como a nossa. Mas temos bons jogadores e vencemos?, disse o atacante André Nascimento, o maior marcador do Brasil com 15 pontos na partida.Na estatística de pontuadores do torneio, dois brasileiros apareciam entre os cinco primeiros após quatro jogos, justamente André Nascimento, o quinto, e André Amaral, o quarto.Confira os jogos deste domingo: Argentina x Cuba, Iugoslávia x Coréia do Sul e Japão x Brasil.Classificação da Copa dos Campeões:1) Cuba - 8 pontos2) Brasil - 7 pontos3) Coréia do Sul - 6 pontos4) Iugoslávia - 6 pontos5) Japão - 5 pontos6) Argentina - 4 pontos

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.