Ed Ferreira/Estadão
Ed Ferreira/Estadão

Brasil volta a vencer Bulgária de virada na Liga Mundial

Seleção brasileira está muito próximo de uma vaga na próxima fase da competição

AE, Agência Estado

06 de julho de 2013 | 12h42

BRASÍLIA - A seleção brasileira masculina de vôlei voltou a derrotar a Bulgária de virada na Liga Mundial. Neste sábado, no Ginásio Nilson Nelson, em Brasília, a equipe dirigida por Bernardinho repetiu o placar do duelo de sexta-feira e superou os búlgaros por 3 sets a 1, com parciais de 19/25, 25/21, 25/17 e 25/19.

Com o resultado, o Brasil permanece no primeiro lugar no Grupo A da Liga Mundial, agora com 19 pontos, com sete vitórias e uma derrota, e muito próximo da classificação para as finais do torneio - os dois primeiros colocados da chave avançam. A equipe dirigida por Bernardinho encerra a sua participação na fase de grupos na próxima semana, nos dias 13 e 14, quando vai receber os Estados Unidos no Ginásio do Maracanãzinho, no Rio.

Neste sábado, o Brasil iniciou a partida em Brasília com Bruno, Vissotto, Maurício Souza, Lucão, Lucarelli e Dante, além do líbero Alan. Wallace, William e Maurício entraram durante o duelo. Vissotto foi o principal pontuador da partida, com 18 pontos, enquanto Sokolov se destacou pela Bulgária, com 14 pontos.

Após um início equilibrado de partida, a Bulgária deslanchou, com o bom aproveitamento de Sokolov no ataque, e chegou a abrir 10/5. O Brasil ainda diminuiu a vantagem dos búlgaros para um ponto - 12/11 -, mas cometeu muitos erros na recepção e no ataque. Assim, acabou sendo derrotado por 25/19.

O início da segunda parcial foi equilibrado, mas o Brasil foi aos dois tempos técnicos à frente no placar (8/7 e 16/14). Depois, a equipe abriu quatro pontos de vantagem (18/14), liderada pelo levantador Bruno, e conseguiu empatar o jogo em 1 set a 1 ao vencer por 25/21.

O terceiro set foi completamente dominado pelo Brasil, que abriu 6/1 logo no começo. Após o início favorável, a equipe ampliou a vantagem para sete pontos - 18/11 - em um bloqueio de Maurício Souza e não passou sustos no restante da parcial, vencida por 25/17.

A superioridade brasileira se repetiu no quarto set. A equipe aproveitou uma boa sequência de Lucão no saque e com dois bloqueios consecutivos de Maurício Souza, foi ao primeiro tempo técnico vencendo por 8/4. Com a boa atuação de Vissotto, o Brasil chegou a fazer 20/14 e fechou o set em 25/19 para garantir mais uma vitória na Liga Mundial.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiLiga MundialBrasilBulgária

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.