Bulgária vence e garante vaga na segunda fase do Mundial

A Bulgária venceu a Venezuela por 3 a 1 (22/25, 25/17, 25/22 e 25/17) e se classificou para a segunda fase do Mundial Masculino de Vôlei. A equipe, que ficou em quarto lugar na última Liga Mundial e foi a única a vencer o Brasil naquela competição, assumiu a liderança isolada do Grupo C, que cruza com a seleção brasileira na segunda fase - se o time de Bernardinho conseguir a vaga.A Itália ficou perto da vaga depois de conseguir uma complicada vitória contra o Irã, lanterna da chave, por 3 a 1 (25/15, 21/25, 25/21 e 25/19), enquanto a seleção dos Estados Unidos conseguiu sua primeira vitória, 3 a 1 sobre a República Checa (25/16, 15/25, 25/20 e 25/23), e se manteve na luta pela classificação.Mais duas equipes conseguiram assegurar a classificação para a segunda fase. No Grupo A, a Polônia manteve a liderança isolada da chave ao vencer o Egito por 3 a 0 (25/13, 25/19 e 26/24). O Japão se isolou em segundo, com a vitória por 3 a 1 sobre Porto Rico (parciais de 25/23, 25/20, 21/25 e 36/34), enquanto a Argentina obteve sua primeira vitória, contra a China: 3 a 2 (22/25, 25/21, 17/25, 25/17 e 17/15), em cerca de duas horas de jogo.No Grupo D, a Sérvia ficou com a vaga e a liderança isolada depois da vitória sobre a Tunísia por 3 a 0 (25/21, 25/12 e 25/23). A Rússia assumiu a vice-liderança ao derrotar o Canadá por 3 a 0 (25/19, 25/20 e 25/21), e a Coréia do Sul obteve sua primeira vitória, diante do Casaquistão, por 3 a 1 (25/22, 23/25, 25/18 e 25/21).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.