CBV mantém pontuação de Éder e Sada/Cruzeiro poderá manter elenco campeão

Um dia depois de conquistar o título da Superliga Masculina de Vôlei, o Sada/Cruzeiro recebeu mais uma boa notícia. Nesta segunda-feira, a Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) divulgou a atualização do seu ranking de pontos e manteve o central Eder como jogador de seis pontos. Na prática, isso significa que o Cruzeiro pode manter o elenco tricampeão nacional.

Estadão Conteúdo

11 de abril de 2016 | 19h32

Pelo regulamento da Superliga, um elenco masculino pode somar 40 pontos, contando com até três jogadores de sete pontos - pontuação máxima. O Cruzeiro já contava com o ponta Wallace e o cubano Leal com tal pontuação. Aguardava-se que os centrais Eder e Isac fossem "promovidos", mas só Isac aparece com sete pontos.

Seguem sendo sete os jogadores de sete pontos: Bruninho, Vissoto, Lucão, Lucarelli, Isac Wallace e Leal. Os três primeiros estão no exterior, enquanto Lucarelli defende o Taubaté. Sidão, do Sesi, que também tinha sete pontos, foi rebaixado para seis.

No segundo patamar, de seis pontos, aparecem Éder, Evandro, Lipe, Maurício Borges, Maurício Souza, Murilo, Sidão, Theo, Wallace Martins e o cubano Escobar. Os levantadores Rapha e William também valem sete pontos, mas, como bonificação pela idade (ambos têm 36 anos), eles contam cinco pontos para suas equipes. O mesmo vale para Dante, de seis.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiCBVranking de pontosSuperliga

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.