Arquivo/AE
Arquivo/AE

Cimed busca título do Mundial masculino de clubes no Catar

Equipe catarinense comandada pelo técnico Marcos Pacheco estreia na competição na próxima terça-feira

estadao.com.br,

30 de outubro de 2009 | 17h06

A Cimed está em preparação intensa para o Mundial de clubes masculino de vôlei, que começa na próxima terça-feira em Doha, no Catar. Atual campeã da Superliga e do Campeonato sul-americano, a equipe busca o título inédito, em uma competição que não é disputada desde 1992.

"Aqui, há uma busca diária pela excelência. Desde o primeiro dia de cada temporada, deixamos claro que vamos lutar pelos títulos. Não é pressão, é a realidade. E no Mundial não será diferente. Vamos enfrentar grandes equipes do mundo em um país desconhecido para o grupo. Mas entraremos para buscar a vitória", afirmou o técnico Marcos Pacheco.

O treinador está no clube catarinense desde o início do projeto, em 2005, quando atuava como assistente do então técnico Renan Dal Zotto, atual gerente de esportes da Cimed. Além dele, outros dois jogadores acompanham o time desde o primeiro ano de vida: o levantador Bruno Rezende e o meio-de-rede Eder.

"Fico muito feliz em poder fazer parte da história da Cimed. Não me lembro de ter tido um clube tão vitorioso quanto o nosso em tão pouco tempo. Queríamos muito estar no Mundial. Somos os atuais bicampeões da Superliga e merecíamos esta vaga. Agora, temos que trabalhar para poder representar o Brasil da melhor forma possível", comentou Eder.

Capitão do time catarinense, Bruno se considera um torcedor da equipe. "A Cimed foi o meu primeiro time como titular. Aqui tive a oportunidade de desenvolver o meu jogo e me tornar um bom levantador. Sou muito grato por isso. Sinto-me como parte desta família. A Cimed é uma paixão, como é o Botafogo na minha vida. Sou jogador e torcedor".

No Grupo B do Mundial, a equipe catarinense enfrentará PGE Skra Belchatow (Polônia), Payakan (Irã) e Al-Arabi (Catar) na primeira fase. Trentino Betclic (Itália), Zenit Kazan (Rússia), Corozal (Porto Rico), Zamalek (Egito) formam a chave A.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.