Alexandre Arruda/Divulgação
Alexandre Arruda/Divulgação

Cimed vence e tira a liderança do Sesi-SP na Superliga masculina

Em casa, equipe catarinense ganha por 3 sets a 0, com parciais de 27/25, 25/22 e 25/20

estadão.com.br

11 de fevereiro de 2011 | 17h24

SÃO PAULO - Em confronto dos melhores da Superliga masculina de vôlei, a Cimed (SC) devolveu a derrota sofrida para o Sesi (SP) no primeiro turno da competição e ganhou a partida por 3 sets a 0 (27/25, 25/22 e 25/20), em 1h27 de jogo na noite desta quinta-feira. Com o triunfo fora da casa, a equipe catarinense roubou do adversário a ponta da tabela.

O time de Santa Catarina acumula 38 pontos em 20 jogos - 18 vitórias e duas derrotas, a mesma campanha do Sesi, que só está em segundo lugar devido aos critérios de desempate.

O levantador Bruno foi o maestro da Cimed e acabou eleito o melhor jogador da partida. "A equipe toda jogou de forma equilibrada. Sacamos bem e nossa relação bloqueio e defesa funcionou bem. Tocamos em muitas bolas e conseguimos ser eficientes nos contra-ataques. Tudo isso dificultou a vida deles."

Treinador da Cimed, Marcos Pacheco elogiou a postura da equipe. "Nosso time veio extremamente concentrado. Sabíamos do potencial do Sesi, mas tivemos nossas virtudes. O time foi muito aplicado e todos os jogadores tiveram excelentes atuações", ressaltou.

Apesar da derrota, o maior pontuador da partida foi da equipe do Sesi. O ponteiro Murilo marcou 17 pontos - 14 de ataque e três de bloqueio. Na Cimed, o oposto Bob foi o destaque, com 14 acertos.

Tudo o que sabemos sobre:
Superliga de vôleiCimedSesi-SPvôlei

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.