Cimed vence mais uma e dispara na ponta da Superliga

A Cimed/Malwee faturou mais uma vitória nesta quinta-feira. Bateu o Funvic/Uptime/Cuiabá (MT) por 3 sets a 0, com parciais de 25/17, 25/20 e 25/16, no ginásio Aecim Tocantins, em Cuiabá, pela 13.ª rodada do segundo turno da Superliga masculina de vôlei.

AE, Agencia Estado

19 de março de 2010 | 00h19

O triunfo deixou a equipe catarinense, já classificada para as quartas de final, ainda mais isolada na liderança da tabela. Soma 53 pontos, com 25 vitórias e três derrotas. Já o time mato-grossense não tem mais chances de ficar entre os oito classificados para a próxima fase.

Ainda nesta quinta, o Brasil Vôlei Clube superou o Vivo/Minas em confronto direto por uma vaga nas quartas de final. Os paulistas venceram por 3 a 0, parciais de 25/21, 25/20 e 25/18, em São Bernardo do Campo, e superaram os rivais na tabela. O Brasil Vôlei Clube subiu para a sétima posição, com os mesmos 43 pontos da equipe mineira, que leva desvantagem na média de sets.

O técnico Rubinho aprovou a atuação da equipe paulista. "Cumprimos taticamente o que tínhamos programado e o grupo como um todo foi muito bem. O adversário exigiu muito do nosso passe e conseguimos suportar bem a pressão. Além da vitória, o time mostrou que está crescendo na competição e isso é muito importante".

Na mesma rodada, o Sesi bateu o Lupo/Náutico/Let?s por 3 sets a 0, com parciais de 25/18, 25/12 e 25/22, em São Paulo. A equipe do técnico Giovanni Gáveo se manteve na terceira posição, com 51 pontos.

A segunda colocação é do Pinheiros/Sky, de Giba e Gustavo. Eles venceram o Vôlei Futuro por 3 sets a 1, parciais de 25/20, 25/12, 26/28 e 25/22, em São Paulo. Ainda na briga pela liderança, o técnico Cebola apontou algumas falhas da sua equipe.

"Nós estamos ajustando a equipe aos poucos, pois tenho todos os jogadores à disposição há pouquíssimo tempo. Ainda temos que rodar bastante o time e aprender com os erros. Hoje nos faltou paciência no terceiro set e isso não pode acontecer na fase decisiva", destacou.

Completando os jogos do dia, três equipes visitantes somaram mais dois pontos na tabela. O Soya/Blumenau/Furb/Barão foi até Brasília e se impôs diante do Upis/Brasília por 3 sets a 1, parciais de 25/17, 15/25, 22/25 e 19/25.

Em Vitória, o Volta Redonda fez bonito e bateu o Álvares/Vitória por 3 a 0, parciais de 17/25, 13/25 e 22/25. E, em Caxias do Sul, o Santo André superou os anfitriões do Fátima/Medquímica/UCS/SPFC por 3 a 1 - 25/18, 16/25, 23/25 e 21/25.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.