Abelardo Mendes Jr./rededoesporte.gov.br
Abelardo Mendes Jr./rededoesporte.gov.br

Com covid-19, técnico Renan Dal Zotto é internado; Radamés continua na UTI

Treinador apresenta complicações por causa da doença, mas, segundo a CBV, ele apresenta estado geral "controlado"

Redação, O Estado de S.Paulo

16 de abril de 2021 | 15h32

Um dia após convocar mais quatro jogadores para a seleção brasileira masculina de vôlei, o técnico Renan Dal Zotto precisou ser internado nesta sexta-feira por complicações da covid-19. De acordo com a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), o treinador apresenta estado geral "controlado".

Renan deu entrada no hospital, no Rio de Janeiro, com baixa saturação de oxigênio no sangue. "O treinador conta com um suplemento de oxigênio em dose baixa, está no quarto e seu estado geral é considerado controlado", informou a CBV, em comunicado.

O treinador e ex-jogador da seleção testou positivo para o novo coronavírus na terça-feira. Em isolamento, ele apresentava sintomas leves. Tanto que, mesmo à distância, chamou o oposto Wallace, o central Flávio, o levantador Carísio e o ponteiro Vaccari para a preparação da seleção no Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ). 

Nesta sexta, porém, ele apresentou piora do quadro e precisou ser internado, no Rio. Também na capital fluminense está internado, no Centro de Terapia Intensiva, Radamés Lattari, vice-presidente da CBV. Ele segue intubado. "Radamés encontra-se clinicamente melhor, menos sedado, ventilando de forma espontânea e com menos pressões no respirador", explicou a confederação.

Tudo o que sabemos sobre:
Renan Dal Zottovôleicoronavírus

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.