Cuba diz que objetivo é o ouro na Copa dos Campeões

Título do torneio da Norceca deixa a equipe confiante; estreia no Japão é justamente contra o Brasil

EFE,

24 de outubro de 2009 | 16h19

HAVANA - A seleção cubana, uma das mais tradicionais do vôlei masculino, quer voltar a figurar entre os grandes na Copa dos Campeões, entre os dias 18 e 23 de novembro no Japão - a estreia é justamente contra o Brasil.

Após derrotar os Estados Unidos na final do torneio continental da Norceca e garantir a vaga no campeonato, a equipe passou a acreditar que pode superar outras grandes equipes do mundo.

"Derrotar os EUA nos deu o lugar na Copa dos Campeões e também a segurança de que podemos aspirar o máximo", declarou o diretor-técnico Orlando Samuels. O time ficou em quatro lugar na última Liga Mundial, o que já havia sido considerado um bom resultado.

Samuels ainda fez questão de ressaltar o talento do jovem Wilfredo León, de apenas 15 anos, eleito o melhor da Norceca. "Está entre os três melhores cubanos de todos os tempos".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.