Divulgação
Divulgação

De volta à seleção, Bruninho prevê duelo difícil contra Sérvia

Brasil está invicto na Liga Mundial de Vôlei após quatro jogos

Estadão Conteúdo

11 de junho de 2015 | 21h20

Depois de ficar de fora das duas primeiras séries de partidas do Brasil nesta Liga Mundial - foi poupado por conta da participação na final do Campeonato Italiano -, o levantador Bruninho finalmente estreará na competição nesta sexta-feira, contra a Sérvia, em Novi Sad. E ele prevê dificuldade diante do adversário, o mesmo das duas primeiras partidas da seleção no torneio, em Belo Horizonte.

"Sem dúvida alguma, são jogos muito difíceis. Nos jogos em Belo Horizonte, dois jogadores se integraram ao grupo como titulares absolutos. Depois disso, eles cresceram pelo tempo de treinamento que tiveram a mais", declarou, demonstrando que espera mais dificuldade do que nas duas vitórias brasileiras em Minas Gerais.

O levantador, aliás, fez questão de elogiar o desempenho brasileiro enquanto esteve fora. "O time está muito bem e fez um ótimo início de Liga Mundial. Nos dois primeiros jogos, contra a Sérvia, houve um pouco de ansiedade, mas, mesmo assim, o grupo mostrou qualidade e, principalmente, o que vem mostrando nos treinamentos, que é a intensidade e a agressividade."

Enquanto esteve fora, Bruninho aproveitou para treinar intensivamente por duas semanas. Com isso, voltou às melhores condições físicas para reforçar a equipe. Nem mesmo a falta de ritmo de jogo e de entrosamento irão o atrapalhar neste retorno, ele garante.

"Estou me sentindo muito bem fisicamente e o entrosamento vem crescendo cada vez mais com o restante do grupo. Espero ajudar a seleção a continuar neste caminho das vitórias, já que a ideia é melhorar cada vez mais para chegar bem na fase final, que vai ser no Brasil", disse.

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.