Frank Augstein/AP
Frank Augstein/AP

Douglas Souza relata caso de homofobia em aeroporto na Europa: 'Ninguém merece isso'

Jogador da seleção brasileira de vôlei estava acompanhado do namorado e usou as redes sociais para comentar sobre o episódio

Redação, O Estado de S.Paulo

07 de setembro de 2021 | 21h18

Douglas Souza, ponteiro da seleção brasileira de vôlei, viveu momentos desagradáveis durante recente viagem à Europa. O jogador, que estava acompanhado do namorado, disse ter sofrido um episódio de homofobia em um aeroporto na Holanda. 

"Hoje é um dos piores da minha vida. Foi horrível. Está sendo horrível. Eu só não vou contar realmente o que aconteceu hoje porque eu tenho medo deles tirarem a minha passagem e me deportarem", disse o atleta no Instagram. 

Douglas Souza ganhou destaque nas redes sociais durante a Olimpíada de Tóquio. Esbanjando simpatia e bom-humor, o atleta constantemente compartilhava os bastidores da seleção na Vila Olímpica. Dessa vez, o jogador mudou o tom e usou o espaço para desabafar sobre o caso.  

"Puro preconceito, homofobia, vocês não tem noção. Eu vou sim espanar isso, porque eu não mereço, ninguém merece isso."

Medalhista de ouro no Rio-2016, Douglas Souza ficou fora da convocação para o Campeonato Sul-Americano por opção própria, alegando a necessidade de se dedicar à vida pessoal. O Brasil se sagrou campeão do torneio de forma invicta, vencendo a Argentina na final por 3 sets a 1

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.