Em revanche na Superliga, Sesi derrota Pinheiros

Em clima de revanche, o Sesi derrotou o Pinheiros por 3 sets a 0, com parciais de 25/22, 25/18 e 25/21, neste sábado, na capital paulista. Com o resultado, o Sesi devolveu o placar sofrido no primeiro turno da Superliga masculina de vôlei.

AE, Agência Estado

27 de março de 2010 | 21h06

A vitória também garantiu a vaga nas quartas de final entre os quatro primeiros colocados da fase classificatória. As duas equipes já estavam asseguradas na próxima fase da competição.

A partida deste sábado reuniu pela primeira vez na Superliga, em lados opostos da quadra, os irmãos Murilo, do Sesi, e Gustavo, do Pinheiros. No Campeonato Paulista, eles já haviam se enfrentado por três vezes. O triunfo do Sesi aumentou a vantagem do caçula Murilo, que tem três vitórias e apenas uma derrota. "Paciência. Vai ser a minha vez", brincou Gustavo.

Também neste sábado, o já classificado Montes Claros/Funadem passou pelo Ulbra/São Caetano por 3 sets a 1, parciais de 25/20, 25/19, 23/25 e 25/19. O Brasil Vôlei Clube deu mais um passo rumo a classificação ao bater o Santo André por 3 a 0, parciais de 25/17, 25/21 e 25/21.

Na disputa com o Brasil Vôlei Clube, o Vivo/Minas também venceu neste sábado e continuou na briga. Derrotou o Funvic/Uptime Cuiabá por 3 sets a 0, parciais de 25/13, 25/12 e 25/20, em Belo Horizonte. E o Sada Cruzeiro Vôlei, já garantido nas quartas de final, superou o Upis/Brasília por 3 a 0 - 25/20, 25/19 e 25/14.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.