Holanda perde e ajuda Brasil no Grand Prix

No complemento da terceira rodada da fase final do Grand Prix, a Holanda perdeu para o Japão, nesta sexta-feira, em Tóquio, e acabou favorecendo a seleção brasileira feminina de vôlei, que tinha vencido a Alemanha em outro jogo do dia. Com esses resultados, o Brasil passou a ser o único invicto na etapa decisiva da competição, ficando na liderança isolada e ainda mais perto do título.

AE, Agencia Estado

21 de agosto de 2009 | 11h13

A derrota por 3 sets a 0 para o Japão tirou a Holanda até da segunda colocação do Grand Prix. As holandesas estão agora em terceiro lugar, com os mesmos cinco pontos da Rússia, que venceu a China por 3 a 1 nesta sexta-feira. Enquanto isso, o Brasil lidera com seis pontos, já que somou sua terceira vitória na fase final com os 3 a 0 na Alemanha, com parciais de 25/15, 25/15 e 25/16.

Com os resultados, o Brasil pode ser campeão já neste sábado, quando acontece a penúltima rodada do Grand Prix. Para isso, precisa de uma vitória sobre a Holanda, em jogo marcado para as 3h30 (horário de Brasília), e ainda torce para um tropeço da Rússia, que enfrenta a Alemanha. Além disso, a seleção brasileira ainda terá um último jogo no torneio, domingo, contra o Japão.

Atual campeã olímpica, a seleção brasileira já é a recordista de títulos do Grand Prix, com sete conquistas. E, mesmo sofrendo uma processo de renovação no grupo, tem feito uma campanha perfeita nesta edição do torneio, com 12 vitórias em 12 jogos disputados. Ainda faltam duas partidas, mas parece que o vôlei feminino do Brasil vai mesmo ganhar mais uma medalha de ouro.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiGrand Prix

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.