Site Oficial / FIVB
Site Oficial / FIVB

Itália, Sérvia, China e Holanda se garantem na semi do Mundial Feminino de Vôlei

Única invicta no torneio, seleção italiana enfrenta a Sérvia no confronto de mata-mata

Estadão Conteúdo

15 Outubro 2018 | 11h46

O Campeonato Mundial Feminino de Vôlei, que está sendo disputado no Japão, já conhece as seleções semifinalistas. Itália, Sérvia, China e Holanda vão disputar uma vaga na final na sexta-feira. Os jogos vão ser definidos após os duelos desta terça, quando a terceira fase da competição será fechada com os confrontos Itália x Sérvia, pelo Grupo G, e Holanda x China, pelo H. A decisão será no sábado.

Os Estados Unidos, atuais campeões mundiais e medalhistas de bronze nos Jogos do Rio-2016, foram eliminados, após derrota de virada para a Holanda, nesta segunda-feira, por 3 sets a 2, com parciais de 30/32, 15/25, 25/22, 25/15 e 15/9, em 2h07min de jogo em Nagoya, onde no último domingo os EUA haviam aberto este estágio do torneio com uma derrota para a China, também por 3 a 2.

O destaque da partida foi a oposta holandesa Lonneke Slöetjes, com 38 pontos. Com dez pontos, o saque também foi um diferencial a favor das holandesas, que conseguiram outros 63 acertos em ataques, contra 62 das norte-americanas.

A última vez que os EUA não se classificaram entre as quatro primeiras seleções foi em 2006. Estados Unidos e Japão disputam na sexta-feira o quinto lugar do Mundial.

No outro jogo disputado nesta segunda-feira, a Itália, única invicta, com dez vitórias consecutivas e só cinco sets perdidos, precisou de 2h10min de jogo para vencer as anfitriãs japonesas por 3 sets a 2, com parciais de 25/20, 22/25, 25/21, 19/25 e 15/13. A oposta Paola Egonu foi o destaque do jogo, com 36 pontos para a Itália, que somou incríveis 74 pontos de ataque.

Atual campeã olímpica, a China tenta o terceiro título mundial. Foi campeã em 1982 e 1986. As italianas tentam repetir o feito de 2002, enquanto Sérvia, atual vice-campeã olímpica, e Holanda disputarão pela primeira vez as semifinais. No último domingo, as sérvias superaram as japonesas por 3 sets a 0.

A seleção brasileira, que ficou fora da terceira fase, terminou em sétimo lugar. O Brasil, bicampeão olímpico com os ouros em Pequim-2008 e Londres-2012, nunca ganhou um Mundial no vôlei feminino.

 
Mais conteúdo sobre:
vôlei

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.