Janina comemora incrível recuperação

A meio-de-rede Janina teve de abandonar a seleção brasileira de vôlei feminino durante o Grand Prix da Ásia pois sofreu uma contusão no joelho e precisava ser operada. Já de volta ao Brasil, a jogadora descobriu que não depende mais da cirurgia para se recuperar. "Hoje as pessoas são muito incrédulas. Deus faz milagres, sim", comemorou.Durante o GP, foram diagnosticadas três lesões no joelho da jogadora (do ligamento colateral medial, menisco medial e estiramento do ligamento cruzado anterior). Janina voltou para o Brasil com a indicação de cirurgia pelo médico da delegação brasileira, Carlos Moura. Aqui, outros exames foram efetuados e apenas a lesão do ligamento colateral medial foi confirmada. "Não sei o que aconteceu. Os novos exames serviriam apenas para analisar o grau das lesões. Achava que entraria na faca."Janina, que terá pela frente um mês de fisioterapia intensiva, com exercícios de reforço na piscina e ultra-som, explica que é evangélica e que contou com a ajuda de algumas irmãs de reza e pastores das igrejas Batista de Brás de Pina, Batista Renovo de São Caetano e da Assembléia de Deus. "Eles fizeram orações por mim e melhorei. Não tem outra explicação."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.