Wilton Junior/AE
Wilton Junior/AE

Jogadoras do Rexona destacam superação em conquista

Atletas da equipe do Rio de Janeiro afirmam que adversário era superior, mas vontade de ganhar fez a diferença

Agencia Estado

18 de abril de 2009 | 13h49

As jogadoras do Rexona/Ades (RJ) afirmaram, logo após a vitória sobre o Finasa/Osasco (SP), que a conquista do sexto título da Superliga feminina de Vôlei aconteceu por conta da superação das jogadoras. Para o torneio, a equipe do Rio de Janeiro perdeu as campeãs olímpicas Thaíssa e Sassá para o rival paulista.

Veja também:

linkRexona bate o Osasco no tie-break na decisão da Superliga

mais imagens Veja mais imagens da decisão deste sábado no Rio

"Sabíamos que o elenco delas era melhor, sabíamos de nossas limitações e que éramos inferiores", disse a líbero Fabí. "Justamente por isso tínhamos consciência de que precisávamos usar isso como motivação e mostrar algo a mais. E a Monique entrou muito bem e decidiu o jogo", elogiou.

Monique, eleita a melhor jogaodra da decisão, que mudou o confronto a partir do quarto set e marcou o ponto do título preferiu ser humilde. "Acho que não fui o nome do jogo, não. A união, a vontade de toda a equipe é que foram determinantes."

Pelo lado do Finasa/Osasco, o técnico Luizomar de Moura lamentou as chances perdidas. "Foi uma final muito disputada. Desperdiçamos muitos contra-ataques. A equipe lutou, mas numa finalíssima é preciso mais do que superação. É preciso aplicação tática", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.