Arquivo/AE
Arquivo/AE

Lesionada, Paula Pequeno espera disputar Mundial

Ponteira sofreu uma fratura no tornozelo esquerdo durante a fase final do Grand Prix e tenta se recuperar para a competição no Japão, de 29 de outubro a 14 de novembro

AE, Agência Estado

16 de setembro de 2010 | 16h48

A ponteira Paula Pequeno entrou em fase final de recuperação, após sofrer uma fratura no tornozelo esquerdo durante a fase final do Grand Prix, demonstrando confiança de que poderá reforçar a seleção brasileira de vôlei feminino no Mundial do Japão, entre 29 de outubro e 14 de novembro.

Depois de sofrer a contusão no dia 27 de agosto, a ponteira recebeu prazo de um mês para se recuperar - o tempo foi definido pelo médico da seleção brasileira, Júlio Nardelli. Confiante, Paula Pequeno contou nesta quinta-feira que um exame no próximo dia 24 determinará a sua real condição.

"Não sinto dores e o tornozelo não está inchado. Já ando normalmente e a recuperação está sendo bem tranquila. Estou na terceira semana de recuperação. No dia 24, farei mais um exame para saber se a lesão está cicatrizada. Se estiver tudo bem, volto com tudo. Quero muito ir ao Japão. Sei que posso ajudar", avaliou a jogadora.

O técnico Zé Roberto, entretanto, ponderou que só levará Paula Pequeno se ela estiver plenamente recuperada. "A Paula tem um histórico de lesões e, em todos eles, sempre se recuperou num tempo menor do que o que os médicos previam. No entanto, o mais importante de tudo isso é a integridade física da atleta. Só a levaremos para o Mundial se estiver totalmente recuperada da lesão e também estiver em forma", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.