Líderes vencem em rodada da Superliga feminina

O segundo turno da Superliga feminina de vôlei começou na noite desta terça-feira da mesma maneira como foi o primeiro. Líderes da competição, Sollys/Osasco, Pinheiros/Mackenzie, Unilever e Blausiegel/São Caetano estrearam com vitória. Destes, apenas o Pinheiros encontrou dificuldades, precisando do tie-break para superar o Cativa/Opnnus, de Brusque (SC).

AE, Agencia Estado

09 de fevereiro de 2010 | 23h01

Em casa, o Osasco passou com extrema facilidade pelo catarinense Pauta/São José, lanterna da Superliga. Com a vitória por 3 sets a 0 (25/12, 25/15 e 25/8), o time paulista chegou aos 12 triunfos e soma agora 25 pontos. Com a mesma pontuação está o Pinheiros, que recebeu o Cativa e sofreu para vencer por 3 sets a 2 (19/25, 23/25, 28/26, 25/21 e 15/9).

O Unilever não se importou nem por jogar fora de casa. Em Belo Horizonte, o time do técnico Bernardinho derrotou o Mackenzie/Newton Paiva por 3 sets a 0 (25/17, 25/12 e 25/13), chegando a 11 vitórias. Já o São Caetano recebeu o Vôlei Futuro e venceu por 3 a 0 (30/28, 25/21 e 25/21) para seguir na cola do Unilever, com nove triunfos.

Completando a primeira rodada do segundo turno da Superliga feminina, o Usiminas/Minas, que ainda briga para avançar à próxima fase, venceu o vice-lanterna Macaé Sports por 3 sets a 0 (25/10, 25/19 e 25/15), na capital mineira. Também em casa, o São Bernardo foi surpreendido pelo Praia Clube/Banana Boat, que triunfou por 3 a 1 (25/22, 23/25, 25/23 e 25/17).

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiSuperliga

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.