Divulgação/CBV
Divulgação/CBV

Márcio e Fábio Luiz vencem 5.ª etapa do Circuito Brasileiro

Dupla vice-campeã olímpica bate na decisão Hevaldo e Benjamin por 2 sets a 1, com 16/18, 18/15 e 15/12

15 Junho 2009 | 16h15

Márcio e Fábio Luiz são os primeiros a vencer duas etapas no Circuito Brasileiro de vôlei de praia em 2009. Ganhadores da etapa de Curitiba (PR), a terceira do ano, os vice-campeões olímpicos em Pequim repetiram a dose nas areias de Camburi, em Vitória (ES), e ficaram com o título da etapa capixaba, batendo Hevaldo e Benjamin por 2 sets a 1, com parciais de 16/18, 18/15 e 15/12, na decisão. O terceiro lugar da etapa do Espírito Santo ficou com Pedro Cunha e Pedro Solberg.

O título em Camburi é o sétimo de Márcio no Estado. Ele venceu as etapas capixabas do Circuito em 2000, 2003, 2004, 2005, 2008 e 2009, além do torneio brasileiro do Circuito Mundial em 2000. Com a conquista do sexto título no Circuito Brasileiro, o medalhista de prata nos Jogos Olímpicos de Pequim deixa para trás o conterrâneo Franco e é agora o maior vencedor das etapas capixabas.

"Agora sou o recordista absoluto no Estado", vibrou Márcio. "O Espírito Santo sempre me trouxe energias muitas positivas. Me sinto muito bem jogando no Estado. Diria até que já sou ‘meio capixaba’, tamanha é a identificação do Fábio Luiz com o torcedor do Espírito Santo, que por tabela me acolhe muito bem. Estou muito satisfeito por poder ajudá-lo a vencer mais uma vez na terra dele", assinalou.

Após a etapa capixaba, o Circuito Brasileiro sofrerá uma interrupção de quase três meses, até a sexta parada, em Belém (PA), entre os dias 3 e 6 de setembro.

A próxima competição para as principais duplas brasileiras será o Campeonato Mundial, disputado entre os dias 25 de junho e 5 de julho, em Stavanger, na Noruega. O Brasil será representado por cinco parcerias na competição: Alison e Harley, Márcio e Fábio Luiz, Pedro Cunha e Pedro Solberg, Ricardo e Emanuel e Billy e Bruno Schmidt.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.