Mari volta a jogar vôlei após se recuperar de lesão no joelho direito

Ponteira de 27 anos - campeã olímpica de 2008 - ficou cinco meses afastada das quadras

estadão.com.br,

14 de fevereiro de 2011 | 23h15

SÃO PAULO - A ponteira Mari está de volta às quadras. Depois de cinco meses de recuperação de um cirurgia no joelho direito, a jogadora foi relacionado pelo técnico Bernardinho para a partida de sua equipe, a Unilever, diante do Usiminas/Minas, nesta quinta-feira, às 19h45, no Maracanãzinho, pela Superliga feminina de vôlei.

"Ainda estou longe de minha condição ideal, mas acho que já posso ajudar o time em algumas situações de jogo", comemora a ponteira paulista, de 27 anos. "O mais difícil nesse período de recuperação foi controlar a ansiedade, ter paciência para cumprir todas as etapas e voltar no momento certo, evitando riscos desnecessários."

Ciente de que precisa tomar cuidado com o retorno de Mari, o técnico Bernardinho prega cautela. "Só precisamos observar a semana de treinamento, mas a ideia é que ela já integre efetivamente o grupo no jogo", diz o treinador. "Trata-se de uma grande jogadora, um reforço importante. Será uma volta gradativa", afirma.

A Unilever é líder da Superliga. Em 14 jogos disputados, a equipe carioca conta com 13 vitórias e apenas uma derrota.

Tudo o que sabemos sobre:
MariUnilevervôleiSuperliga feminina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.