FIVB
FIVB

Maria Elisa e Carol Solberg vencem duas vezes e estão na final de Haia

Na semifinal, dupla passa pelas canadenses Sarah Pavan e Melissa Humana-Paredes

Estadao Conteudo

17 de junho de 2017 | 16h18

A parceria recém-formada entre Maria Elisa e Carol Solberg teve grande desempenho neste sábado, venceu suas duas partidas e se garantiu na decisão da etapa de Haia do Circuito Mundial de Vôlei de Praia.

Na primeira rodada deste sábado, válida pelas quartas de final da competição holandesa, Maria Elisa e Carol Solberg derrotaram as australianas Bawden e Clancy por 2 sets a 0, com parciais de 21/17 e 23/21.

Depois, pela semifinal, também com certa tranquilidade, elas venceram as canadenses Sarah Pavan e Melissa Humana-Paredes novamente por 2 sets a 0, com parciais de 21/19 e 21/16. As adversárias na decisão deste domingo serão as suíças Joana Heidrich e Anouk Vergé-Dépré.

Para chegar à final, aliás, a dupla europeia superou Ágatha e Duda na semifinal por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 24/26, 21/17 e 18/16. A dupla brasileira, que havia superado as compatriotas Larissa e Talita nas quartas, disputará o bronze com as canadenses Pavan e Humana-Paredes.

MASCULINO

Se as duplas femininas brasileiras tiveram bom desempenho neste sábado, o mesmo não ocorreu com as masculinas. E as quatro parcerias do País que entraram em quadra foram eliminadas no torneio holandês.

Pedro Solberg e Guto até venceram suas primeiras partidas contra os austríacos Winter e Seidl, por 2 a 0, mas caíram nas quartas diante dos suíços Beeler e Krattinger, que já haviam eliminado nas oitavas Álvaro Filho e Saymon. Os dois triunfos dos europeus foram por 2 a 1.

Já George/Vítor Felipe e André/Evandro também caíram nas oitavas ao perderem, respectivamente, por 2 sets a 0, para os espanhóis Herrera/Gavira e os canadenses Pedlow/Schachter.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.