Divulgação/FIVB
Divulgação/FIVB

Minas supera turco Eczacibasi e vai à final do Mundial de Vôlei

Vitória na China leva time brasileiro à decisão pela segunda vez na sua história

Estadão Conteúdo

08 Dezembro 2018 | 10h06

O Minas conseguiu uma histórica vitória neste sábado. Diante do poderoso Eczacibasi Vitra Istanbul, triunfou por 3 sets a 2, com parciais de 22/25, 26/24, 25/13, 23/25 e 15/12, e se classificou para a decisão do Mundial Feminino de Clubes de Vôlei, que está sendo realizado em Shaoxing, na China.

Esta é a segunda participação do Minas no Mundial e também a segunda vez que o time se classifica à final, sendo que em 1992 foi batido na decisão pelo italiano Teodora Ravenna. Agora, neste domingo, terá pela frente o vencedor da outra semifinal, entre o Praia Clube e o Vakifbank Istanbul, que será realizada ainda neste sábado.

Até este sábado, o Minas vinha oscilando nas suas partidas na China. A equipe estreou no Mundial com um sofrido triunfo por 3 a 2 sobre o francês Volero Cannet, fez 3 a 1 no Zhejiang WVC e, já classificado às semifinais, poupou algumas titulares na derrota por 3 a 0 para o Vakifbank Istanbul.

Já o Eczacibasi tinha desempenho praticamente perfeito no Mundial. Afinal, havia triunfado nas três partidas que realizou na fase de grupos, derrotando Altay VC, do Casaquistão, e Supreme Chonburi, da Tailândia, ambos por 3 a 0, e batendo o Praia por 3 a 1. Neste sábado, porém, o time turco, campeão mundial em 2015 e 2016, parou no Minas.

Para derrotar o forte adversário, a equipe de Belo Horizonte contou com uma espetacular atuação de Natália, que terminou a partida com 31 pontos. Gabi também se destacou pelo Minas com 19, enquanto a sérvia Tijana Boskovic, com 27, e a norte-americana Jordan Larson, com 20, foram as maiores pontuadoras da equipe turca.

O equilíbrio marcou o primeiro set da partida, mas quase sempre com o Eczacibasi em vantagem, que chegou a ser de cinco pontos. E apesar da luta do Minas, a equipe turca triunfou por 25 a 22. O segundo set parecia encaminhado para nova vitória do Eczacibasi, que chegou a abrir 24 a 19. Mas aí o Minas conseguiu uma impressionante virada, com sete pontos consecutivos, para ganhar por 26 a 24.

Cheio de confiança, o time de Belo Horizonte foi avassalador no terceiro set. Se impôs diante do oponente turco, exibiu volume de jogo e fechou o terceiro set em 25 a 13. Mas embora atuando bem, o Minas passou a cometer alguns erros no quarto set e acabou permitindo as reação do Eczacibasi, que conseguiu se recuperar no quarto set para triunfar por 25 a 23.

No tie-break, o Minas largou na frente, mas também encontrou dificuldades contra um adversário que possui estrelas do vôlei mundial e chegou a encostar no placar. Mas o time conseguiu fechar a parcial em 15/12 com um ataque de Gabi, assegurando a sua passagem à final do Mundial.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.