William Lucas/CBV
William Lucas/CBV

Na Turquia, seleção feminina de vôlei prevê dificuldade contra anfitriãs invictas

Ponteira Gabi projeta duelo: 'Elas vão jogar em casa e sabemos que torcedor turco é apaixonado por voleibol'

Estadão Conteúdo

19 de maio de 2018 | 15h02

A seleção brasileira feminina de vôlei já está na Turquia para a disputa da segunda semana da Liga das Nações. As jogadoras realizaram o primeiro treino neste sábado em Ancara antes de encarar a Turquia na próxima terça-feira, a partir das 11 horas (de Brasília). Um dos destaques da seleção, a ponteira Gabi, que completou 24 anos neste sábado, projetou o duelo com as turcas.

+ Leia mais notícias sobre vôlei

+ Na função de líbero, Murilo comemora retorno a seleção de vôlei após um ano

+ Seleção feminina bate a Sérvia e vence a segunda na Liga das Nações de Vôlei

"Fizemos uma boa primeira semana de competição. Sabemos que essa será uma etapa bastante importante já pensando na nossa classificação para fase final. A Turquia vem jogando muito bem tanto que ganhou os três jogos que fez até agora. Elas vão jogar em casa e sabemos que torcedor turco é apaixonado por voleibol. Chegamos na madrugada deste sábado e hoje já fizemos o primeiro treino de adaptação no ginásio. Queremos fazer uma boa estreia nessa terça-feira", disse a ponteira.

A jogadora diz não se importar em comemorar o aniversário longe de casa e quis compartilhar a alegria com as companheiras da seleção. "Já estou acostumada porque no meu aniversário normalmente estou com a seleção brasileira. Vivo um momento feliz e é muito bom passar essa data ao lado da minha segunda família e fazendo o que eu gosto", celebrou.

Na primeira semana da competição, em Barueri, o Brasil foi superado na estreia pela Alemanha, por 3 sets a 1, e venceu as duas partidas seguintes, contra Japão e Sérvia, ambas por 3 a 1.

Além da Turquia, o Brasil tem pela frente na segunda semana do torneio a Argentina e a República Dominicana. A equipe do técnico José Roberto Guimarães aparece em sexto lugar na classificação geral, com seis pontos. A Holanda está em primeiro, com nove, seguida pela Turquia, com oito, os Estados Unidos, com sete, a Sérvia, com seis, e a China, também com seis.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.