Divulgação
Divulgação

Nei reforça São Bernardo na fase final da Superliga

Experiente meio-de-rede está recuperado de lesão e tentará ajudar o time na luta pelo título

Redação,

17 de março de 2009 | 18h10

O Santander/São Bernardo (SP) terá contará com um reforço experiente na reta final da Superliga masculina de vôlei. O meio-de-rede Ildnei Bernardes de Oliveira, mais conhecido como Nei, de 37 anos, está recuperado de uma lesão no pé e já integrará a equipe que disputa as quartas-de-final contra o Unisul/Joinville (SC).

"Prefiro ajudar a equipe em quadra, mas sei que posso contribuir de outra forma também. Mesmo no banco, procuro dar orientações, informações e um pouco da minha experiência aos outros jogadores durante toda a partida. Sei que dessa forma também ajudo o meu time", explicou Nei, que briga por posição com Acácio e Michael.

Nei, que atuou por quatro anos fora do Brasil na carreira (três em Portugal e um no Japão), já passou por 18 times. Na temporada 2006/2007, foi vice-campeão da Superliga jogando pelo Cimed.

"Ganhar este título agora seria muito especial, mas antes disso temos que passar por um grandes obstáculo, que é o Unisul. Eles têm um time muito forte, equilibrado e experiente. Sabemos que teremos dificuldades, mas nós também estamos bem preparados para essa série", declarou Nei.

Ao longo dos anos no vôlei, o jogador procurou conciliar a carreira com a vida pessoal. "Uma vez a minha filha me disse que queria ter um pai normal", contou Nei, se divertindo, sobre Heloísa, de 7 anos. "Viajamos muito, os horários de treinos são atípicos e, com isso, não conseguimos fazer coisas de um 'pai normal', como levar os filhos na escola, por exemplo. Mas procuro lidar bem com isso, já que faz parte da minha carreira", disse Nei.

O primeiro confronto da série melhor-de-três entre São Bernardo e Joinville acontece na próxima sexta-feira, às 19 horas, no ABC paulista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.