Cristiano Andujar/Divulgação
Cristiano Andujar/Divulgação

No sufoco, Unilever ganha outra na Superliga Feminina

Vitória sobre o Brusque, por 3 sets a 2, marca recorde de Érika, a maior pontuadora da história da competição

AE, Agencia Estado

30 de janeiro de 2010 | 00h06

Foi no sufoco, mas o Unilever (RJ) conseguiu mais uma vitória e segue como único invicto da Superliga Feminina de vôlei. Nesta sexta-feira, em Brusque, o time carioca derrotou o Cativa/Opnnus (SC) por 3 sets a 2 - com parciais de 25/22, 23/25, 21/25, 25/21 e 15/5 - pela 12.ª rodada da competição.

A vitória do Unilever foi a nona em nove partidas, que deixa a equipe comandada pelo técnico Bernardinho na segunda colocação, com 18 pontos - apenas um atrás do Sollys/Osasco (SP), que tem nove triunfos e uma derrota.

A partida em Brusque marcou também a quebra de um recorde. Com oito pontos, a ponteira Érika, do Unilever, superou Elisângela e se tornou a maior pontuadora da história da Superliga Feminina. Érika tem agora 3.381 pontos na competição.

"Eu fico feliz e acho que é uma carreira vitoriosa e tem mais esse marco para a história. Pretendo jogar muito mais ainda, fazer muito mais se continuar com a minha saúde", afirmou Érika em entrevista ao SporTV após a partida.

Em outro jogo desta sexta, o Macaé Sports (RJ) foi até Santa Catarina e derrotou o Pauta/São José (SC) por 3 sets a 0 - com parciais de 25/14, 25/18 e 26/24.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiSuperliga FemininaUnilever

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.