Ernesto Rodrigues/AE
Ernesto Rodrigues/AE

Osasco vence Vôlei Futuro e abre vantagem na Superliga

A equipe venceu por 3 sets a 0 e ficou a uma vitória da final da Superliga femina

AE, Agência Estado

20 de abril de 2011 | 18h47

OSASCO - Em partida que tinha sido adiada por causa do acidente com ônibus da delegação do Vôlei Futuro, o Osasco recebeu a equipe de Araçatuba nesta quarta-feira, no Ginásio José Liberatti, e venceu por 3 sets a 0 (25/23, 25/18 e 25/18). Assim, abriu 1 a 0 na série melhor de três jogos da semifinal da Superliga Feminina de Vôlei e ficou a apenas uma vitória da vaga na final.

Esse primeiro jogo do confronto deveria ter acontecido no dia 12 de abril, em Osasco, mas foi adiado por causa do acidente com o ônibus do Vôlei Futuro, que tombou a poucos metros do ginásio. A maioria das jogadoras sofreu ferimentos leves, mas a líbero norte-americana Stacy Sykora teve traumatismo craniano e ainda segue internada num hospital em São Paulo.

O Vôlei Futuro gostaria de ter mais tempo para jogar novamente, para recuperar as jogadoras fisicamente e psicologicamente. Mas, com um calendário apertado e para cumprir o contrato com a TV Globo, que detém os direitos de transmissão da Superliga, a Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) resolveu marcar a partida para a tarde desta quarta-feira.

Assim, algumas jogadoras do Vôlei Futuro entraram em quadra nesta quarta-feira com curativos. Elas também fizeram uma bonita homenagem a Stacy Sykora, escrevendo nos uniformes o nome da colega hospitalizada. Mas, com a bola em jogo, o time de Araçatuba foi presa fácil para Osasco, que só teve mais trabalho no primeiro set e controlou completamente a partida.

Agora, as duas equipes voltam a jogar neste sábado, em Araçatuba, no interior de São Paulo - e, se houver necessidade, a terceira e última partida da série está marcada para a noite de terça-feira, novamente em Osasco. Enquanto isso, a outra finalista da Superliga Feminina de Vôlei já está definida: é a Unilever, que eliminou o Pinheiros por 2 a 0.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiSuperligaVôlei FuturoOsasco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.