Para Fábio Luiz, chegar aos Jogos Olímpicos é 'um sonho'

Ao lado de Márcio, jogador comemora segunda vaga brasileira no vôlei de praia em Pequim

EFE

19 de julho de 2008 | 16h58

O brasileiro Fábio Luiz, que assegurou neste sábado a segunda vaga do país no torneio de vôlei de praia masculino dos Jogos de Pequim ao lado de Márcio, disse que a classificação é um sonho que se torna realidade."É um sonho que estou realizando. Estou feliz de levar comigo o Márcio, porque ele merece demais", afirmou o jogador, estreante em Jogos Olímpicos.Campeões mundiais de 2005, Márcio e Fábio Luiz superaram hoje Pedro Solberg e Harley por 21/17 e 21/14 e abriram uma vantagem impossível de ser alcançada pelos compatriotas, seus adversários diretos. Os outros classificados foram Ricardo e Emanuel, que defenderão o ouro conquistado nos Jogos de 2004, em Atenas.Márcio e Fábio Luiz entraram na quadra central da Praia do Prado com 100 pontos de vantagem, computados os oito melhores resultados de cada dupla desde o início da temporada de 2007.Além de garantir presença na China, Márcio e Fábio Luiz chegaram a uma final no circuito, o que não ocorria há exatamente um ano, desde a vitória em Berlim. "Foi muito duro disputar com Harley e Pedro Solberg desde o ano passado. Mas sabíamos que uma hora a sorte iria virar. Não era possível ficar tanto tempo sem fazer uma decisão", afirmou Márcio.A disputa do ouro, neste domingo, será contra os chineses Penggen Wu e Linyin Wu, que buscam o primeiro título depois de terminar em segundo nas quatro finais que fizeram em 2008. Já Pedro Solberg e Harley encaram os alemães Kay Matysik e Stefan Uhmann pelo terceiro lugar.

Tudo o que sabemos sobre:
Fábio LuizMárciovôlei de praia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.