Pedro Solberg e Harley estréiam bem na etapa da Suíça

Outras duplas brasileiros do masculino também se deram bem e continuam na luta pelo título em Gstaad

EFE,

24 de julho de 2008 | 16h44

A dupla formada por Pedro Solberg e Harley mostrou estar recuperada da perda da vaga aos Jogos de Pequim ao vencer as duas primeiras partidas na etapa da cidade suíça de Gstaad do Circuito Mundial de vôlei de praia.Campeões nas etapas de China, Austrália e Itália, eles superaram os canadenses Cadieux e Lelliot por 2 sets a 0 (duplo 21/18). No segundo jogo, bateram os alemães Matysik e Dollinger novamente com placar igual, desta vez com um duplo 23/21.Na luta por uma vaga às oitavas-de-final dentro do grupo O, Pedro Solberg e Harley encaram nesta sexta os paraibanos Jorge e Renatão, que defendem a Geórgia.Já Emanuel, que atua com Alison por conta de uma lesão de Ricardo, começou batendo os neozelandeses Lochhead e Pitman por 2 sets a 0 (21/15 e 21/17), depois passando pelos austríacos Huber e Bläuel pelo mesmo placar, com parciais de 21/17 e 21/19. Na sexta, eles encaram os também invictos alemães Brink e Dieckmann, definindo o grupo J.Franco e Benjamin também confirmaram o bom momento ao liderarem o grupo Q com duas vitórias - a primeira diante dos portugueses Pedrosa e Rosas (2 a 0, com 21/19 e 21/16), e a outra contra os franceses Conte e Dugrip (2 a 0, com 21/11 e 21/18).O próximo compromisso é diante dos suíços Heuscher e Hoyer, cuja única diferença na campanha em relação aos brasileiros é um set perdido para a dupla portuguesa.A única derrota do Brasil nas areias suíças nesta quinta foi de Billi e Bruno Schmidt, que caíram diante dos chineses Wu e Xu, vice-campeões de cinco torneios em 2008, por duplo 21/17.Na estréia, eles tinham passado pelos espanhóis Herrera e Mesa por 2 a 0 (21/17 e 21/15). Na sexta, os brasileiros enfrentam os checos Kubala e Dumek, podendo avançar como segundos do grupo L se vencerem a partida.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.