Divulgação/CBV
Divulgação/CBV

Renan vê amistosos com China como testes da seleção de vôlei para Liga das Nações

Brasil enfrenta chineses na próxima semana, no interior de São Paulo

Estadão Conteúdo

09 Maio 2018 | 16h42

A seleção brasileira masculina de vôlei entra em quadra para encarar a China em dois amistosos na semana que vem, terça e quinta-feira, em Taubaté. Tratam-se de testes importantes para os dois confrontos com asiáticos que o time de Renan Dal Zotto terá na segunda semana da Liga das Nações.

+ Renan convoca nove finalistas da Superliga para seleção de vôlei

+ Zé Roberto aposta na torcida para boa estreia na Liga das Nações

"Logo na segunda etapa da Liga das Nações, vamos enfrentar duas equipes asiáticas, de estilo semelhante, que são Japão e Coreia do Sul, então é oportuno enfrentar a China logo agora", considerou o treinador da seleção.

Na primeira semana da Liga das Nações, o Brasil encara Sérvia, Alemanha e Itália, na cidade sérvia de Kraljevo, entre os dias 25 e 27 de maio. Já na segunda semana, o País recebe a Coreia do Sul, o Japão e os Estados Unidos em Goiânia, entre os dias 1º e 3 de junho.

Renan ressaltou a necessidade de um bom desempenho nos amistosos antes da estreia em uma competição tão importante. "A primeira experiência antes de estrearmos oficialmente na primeira competição é uma oportunidade sempre muito bem-vinda. Vamos fazer de tudo para aproveitá-la da melhor forma possível."

A seleção brasileira vai participar nesta temporada da Liga das Nações, de 25 de maio a 8 de julho. Depois, jogará a Copa Pan-Americana, de 12 a 20 de agosto, no México. E a temporada culminará na disputa do Mundial, que será na Bulgária e na Itália, de 10 a 30 de setembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.