Arquivo/AE
Arquivo/AE

Reta final da Superliga de vôlei começa nesta sexta-feira

Melhores equipes do País disputam o título da edição 2008/2009 da competição; Rexona e Cimed são favoritos

Agência Estado,

19 de março de 2009 | 17h58

Após uma longa fase de classificação, em que cada equipe jogou pelo menos 22 vezes, a Superliga, principal campeonato do vôlei brasileiro, chega aos playoffs. A partir desta sexta-feira, tanto no torneio feminino quanto no masculino, começa a disputa das quartas-de-final com os oito melhores da competição.

A fórmula de disputa é a mesma no masculino e no feminino. Agora nas quartas-de-final, assim como nas semifinais, os confrontos são realizados em séries melhor-de-três jogos. Já a grande final terá uma única partida, marcada para os dias 18 (mulheres) e 19 (homens) de abril, quando os campeões da Superliga serão conhecidos.

No torneio feminino, o domínio na fase de classificação foi do Rexona/Ades (RJ), que ganhou o título dos quatro turnos da competição. Assim, o time do técnico Bernardinho, atual tricampeão da Superliga, entra como favorito. E seu primeiro desafio nas quartas-de-final será contra o Minas Tênis Clube (MG).

O principal adversário do Rexona é o Finasa/Osasco (SP), que perdeu para o rival na final de três dos quatro turnos. Agora, o time paulista começa a caminhada dos playoffs contra o Medley/Banespa (SP) - esse confronto, inclusive, abre as quartas-de-final do torneio feminino, nesta sexta-feira, a partir das 21 horas, em São Paulo.

Os outros dois confrontos das quartas-de-final da Superliga Feminina de Vôlei são: Mackenzie/Cia. do Terno (MG) x São Caetano/Blausiegel (SP) e Brasil Telecom (SC) x Pinheiros/Mackenzie (SP).

Já no torneio masculino, a melhor campanha foi do Cimed/Brasil Telecom (SC), que levou o título de três dos quatro turnos. Agora, nas quartas-de-final, a equipe catarinense enfrentará o Fátima/UCS (RS). Enquanto isso, seu principal rival, o Vivo/Minas (MG), que ganhou um dos turnos, jogará contra a Ulbra/Suzano (RS).

A abertura das quartas-de-final, no entanto, será com o confronto entre Santander/São Bernardo (SP) e Unisul/Joinville (SC), único que acontecerá nesta sexta-feira, a partir das 19 horas, em São Bernardo do Campo. Enquanto isso, o outro duelo do torneio masculino terá Sada/Cruzeiro (MG) x Vôlei Futuro (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.