Rexnona-Ades bate o Sport na abertura da 2.ª rodada

Ex-jogadora do time pernambucano, Dani Lins foi um dos destaques da vitória por 3 sets a 1

11 de janeiro de 2008 | 22h41

Na abertura da segunda rodada do segundo torneio da fase classificatória da Superliga feminina de vôlei 2007/2008, o Rexona-Ades, que folgou na primeira rodada, venceu seu primeiro desafio desta etapa. O time carioca - primeiro tetracampeão da competição - venceu o Sport/Maurício de Nassau - vice-campeão da Liga Nacional 2007 -, nesta sexta-feira, por 3 sets a 0, com parciais de 25/8, 25/16 e 25/10. O confronto foi realizado no ginásio do Tijuca T.C., no Rio de Janeiro. O Troféu VivaVôlei de melhor jogadora da partida ficou com a meio-de-rede Fabiana, do Rexona. Fabiana também foi a maior pontuadora do duelo, com 12 acertos. Pelo lado do Sport, a ponteira Tita contribuiu com cinco pontos. Bernardinho, técnico da equipe carioca, iniciou a partida com a levantadora carioca Camila Adão no lugar da pernambucana Dani Lins, que iniciou a carreira no rubro-negro do Recife junto com a ponteira Amanda - natural do Rio Grande do Norte.  O time nordestino tem como tradição revelar bons valores para o voleibol brasileiro e neste duelo isto pode ser observado. Dani Lins e Amanda entraram no decorrer da partida e ajudaram o Rexona em mais uma vitória da Superliga.  Dani Lins ficou bastante emocionada ao encontrar antigas amigas e companheiras de time. "É uma alegria enorme enfrentar meu primeiro clube. Tenho um carinho especial pelo Sport e pela cidade do Recife. Foi muito prazeroso rever minhas amigas. Quando eu for jogar na minha cidade, no terceiro, a festa será ainda maior." O próximo compromisso do Rexona-Ades será na próxima quinta-feira contra o Fiat/Minas, às 20h, na Arena Telemig, com transmissão do canal Sportv. O Sport/Maurício de Nassau folgará na próxima rodada e retornará à quadra no próximo sábado, dia 19, às 16h, no ginásio Marcelino Lopes, no Recife. O adversário das pernambucanas será o Brasil Telecom.

Tudo o que sabemos sobre:
Superliga feminina

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.