Rexona consegue 10.ª vitória seguida na Superliga de vôlei

Atuando com o apoio da sua torcida, o Rexona-Ades segue invicto na Superliga feminina de vôlei ao derrotar na noite desta quarta-feira o Brasil Telecom por 3 sets a 1, com parciais de 25/19, 25/20, 24/26 e 25/14, no Ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro.Com o resultado, a equipe dirigida pelo técnico Bernardinho soma dez vitórias consecutivas e lidera a competição com 20 pontos, dois a mais que o segundo colocado, o Finasa/Osasco, que derrotou o Pinheiros/Blue Life por 3 a 0, em seus domínios. Já o Brasil Telecom ocupa o sexto posto, com 12.A ponteira Regiane, da equipe carioca, foi a maior pontuadora do confronto, com 20 pontos. ?Poderíamos ter jogado melhor. Não tivemos uma atuação 100%. Jogamos abaixo do esperado. Agora, é treinar para não acontecer o que ocorreu no terceiro set, quando desconcentramos na partida?, disse Sassá, também do Rexona, que foi eleita a melhor em quadra.Bernardinho também não gostou do desempenho da equipe na terceira parcial. "Foi uma partida de altos e baixos, uma montanha russa. Não fomos bem no saque. Tecnicamente, o jogo foi fraco, com uma quantidade excessiva de erros. No final dos sets faltou confiança pra o grupo. Isso é preocupante, mas precisamos melhorar. No terceiro set, por exemplo, relaxamos e não conseguimos fechar, apesar da boa vantagem que tínhamos no placar. É bom acontecer estas falhas agora porque temos tempo para melhorarmos?, analisou.SUPERLIGA FEMININA DE VÔLEI Returno - 3.ª rodada Fiat/Minas 3 x 1 Vôlei Futuro Rexona-Ades 3 x 1 Brasil Telecom Finasa/Osasco 3 x 0 Pinheiros/Blue Life Cimed/Macaé 3 x 0 São Caetano/Mon Bijou Classificação: 1.º - Rexona-Ades, 20 pontos; 2.º - Finasa/Osasco, 18; 3.º - São Caetano/Mon Bijou, 17; 4.º - Cimed/Macaé, 16; 5.º - Fiat/Minas, 15; 6.º - Brasil Telecom, 12; 7.º - Pinheiros/Blue Life, 12; 8.º - Vôlei Futuro, 10

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.