Rexona e Brasil Telecom vencem na volta da Superliga

Com o triunfo, equipe do técnico Bernardinho mantém a liderança isolada da competição nacional

Agencia Estado

14 de janeiro de 2009 | 22h51

Na estreia dos times no terceiro turno da Superliga feminina de vôlei, após o recesso para as festas de fim de ano, Rexona/Ades (RJ) e Brasil Telecom (SC), de Brusque, voltaram bem e venceram com facilidade nesta quarta-feira. A equipe do Rio de Janeiro continua na liderança isolada da competição, com 27 pontos. Já o time catarinense tem 21 pontos, e aparece em quarto.Depois de criar polêmica no início da semana, ao inscrever na competição a levantadora Fernanda Venturini, que está aposentada, o Rexona não tomou conhecimento do Praia Clube/Futel (MG), vencendo por 3 sets a 0 (25/18, 25/22 e 25/20). Desta forma, a equipe do técnico Bernardinho segue mostrando superioridade na primeira rodada do terceiro turno, após ter conquistado o título dos dois primeiros.No Recife, o Brasil Telecom encontrou ainda mais facilidade. Mesmo fora de casa, o time de Santa Catarina venceu o Sport/Maurício de Nassau (PE) por 3 sets a 0 (25/19, 25/13 e 25/21). O resultado manteve a equipe pernambucana na vice-lanterna da Superliga, com duas vitórias, à frente apenas do Pomerode, que ainda não venceu na competição.Nesta quinta-feira, a Superliga feminina segue com mais dois jogos. Fora de casa, o vice-líder Finasa/Osasco encara o lanterna Pomerode, enquanto Minas Tênis Clube enfrenta o Vôlei Futuro, em Araçatuba.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.