Rexona treina duro para decisão

Por causa da final do primeiro turno da Superliga Feminina de Vôlei, que será realizada às 16h de sábado em Curitiba, o técnico Hélio Griner não deu folga para as atletas do Rexona. Na segunda-feira, não houve tempo para folia de carnaval, e sim um treino normal para o time, que vai enfrentar o MRV/Minas. Quem vencer garante uma vaga na semifinal."Todas estão trabalhando no feriado, sem cara feia. Treinar esse grupo me deixa muito feliz", declarou Griner. "Independente do resultado, queremos continuar jogando bem e terminar a Superliga entre os melhores times. Para isso, temos de continuar o trabalho que vem sendo feito, mantendo a concentração e dedicação.""Demoramos um pouco para nos encontrarmos, mas todas querem fazer o melhor dentro de quadra e agora estamos bem unidas, principalmente quando surgem as situações de dificuldade", avisou a israelense Tali, um dos destaques do Rexona.O MRV é um dos favoritos ao título, principalmente graças à ponta Érika, da seleção brasileira, e à central romena Pirv.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.