Divulgação - 12/6/2009
Divulgação - 12/6/2009

Rio, Belo Horizonte e São Paulo receberão jogos do Brasil na Liga Mundial

Seleção brasileira encara Polônia, Estados Unidos e Porto Rico na 1.ª fase em 2011

estadão.com.br,

08 de dezembro de 2010 | 16h19

Os torcedores do Rio de Janeiro, de Belo Horizonte e de São Paulo já podem festejar. Em 2011, a torcida dessas cidades terá a oportunidade de assistir à seleção brasileira masculina de vôlei na disputa da Liga Mundial 2011. Os três locais receberão os confrontos contra Polônia, Estados Unidos e Porto Rico, respectivamente. Os jogos serão válidos pelo grupo A da fase intercontinental da competição. O Brasil, atual campeão, buscará o décimo título.

Os primeiros jogos do Brasil em casa serão no Rio, nos dias 4 e 5 de junho contra a Polônia. Em seguida, nos dias 11 e 12, os brasileiros enfrentarão os Estados Unidos, em Belo Horizonte. E, nos dias 18 e 19, a equipe comandada por Bernardinho medirá forças contra Porto Rico, em São Paulo. Todos os jogos serão realizados às 10 horas.

Antes dos jogos em território nacional, o Brasil fará a sua estreia na competição contra Porto Rico, entre os dias 27 e 29 de maio, na casa do adversário. Depois de três finais de semana consecutivos diante de sua torcida, os brasileiros jogarão duas rodadas no exterior. Entre os dias 24 e 26 de junho, o Brasil enfrentará os Estados Unidos e, entre 29 de junho e 1.º de julho, jogará contra a Polônia, sempre na casa dos adversários.

Além de Brasil, Estados Unidos, Porto Rico e Polônia, outras 12 seleções estarão na disputa do título da Liga Mundial 2011. No Grupo B, estão Rússia, Bulgária, Alemanha e Japão. A chave C é composta por Sérvia, Argentina, Finlândia e Egito. Cuba, Itália, França e Coreia do Sul formam o Grupo D.

Finais na Polônia. Em 2011, as finais da Liga Mundial serão realizadas em Gdansk, na Polônia, entre os dias 6 e 10 de julho. Esta será terceira vez que o país sediará a decisão da Liga Mundial. Nas duas anteriores, em 2001 e 2007, o Brasil subiu no lugar mais alto do pódio na cidade de Katowice.

O sistema de disputa da fase final foi modificado com relação aos anos anteriores. O número de classificados aumentou de seis para oito equipes. Os dois primeiros colocados de cada grupo estarão classificados para as finais. Os oito times classificados formarão dois grupos de quatro equipes cada, e os dois melhores passarão para as semifinais. Se a Polônia, país que sediará as finais, não conseguir a classificação, a equipe ocupará a vaga do pior segundo colocado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.