Rio de Janeiro vence Osasco e é campeão da Superliga

O Rexona/Ades/Rio de Janeiro conquistou neste domingo o título da Superliga feminina de vôlei ao derrotar o Finasa/Osasco por 3 sets a 0 na quinta e decisiva partida da série final, no Ginásio Caio Martins, em Niterói, Rio de Janeiro. As parciais foram de 25/14, 25/20 e 25/23.É o terceiro título da Superliga do Rexona, mas o primeiro do time jogando no Rio de Janeiro. Quando era sediado no Paraná, já havia faturado a competição nas temporadas 97/98 e 99/00.A partida marcou a despedida das quadras da levantadora Fernanda Venturini após mais de 20 anos de carreira. "Graças a Deus comecei ganhando e terminei ganhando", comentou, antes de ganhar um abraço da filha Júlia e um beijo do técnico e marido Bernardinho.Bernardinho, aliás, teve uma alegria dupla nesse fim de semana. Além de ganhar o título pelo Rexona, viu no sábado seu filho Bruno ser campeão da Superliga masculina pelo Cimed e ser eleito o melhor jogador do campeonato.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.