Helcio Nagamine/Fiesp
Helcio Nagamine/Fiesp

Segunda rodada da semifinal esquenta Superliga masculina de vôlei

Times se enfrentam na série melhor de cinco jogos de olha em um das vagas na decisão do torneio

Redação, O Estado de S.Paulo

10 de abril de 2018 | 07h01

A Superliga masculina de vôlei tem nesta terça-feira a segunda rodada dos confrontos válidos pela semifinal do torneio. Às 19 horas, no ginásio do Abaeté, o EMS Taubaté Funvic enfrenta o Sada Cruzeiro. Pouco depois, às 21h30, na Jeunesse Arena, no Rio, o Sesc RJ recebe Sesi-SP. As duas partidas terão transmissão do SporTV.

+ José Roberto Guimarães pretende convocar seleção feminina na próxima semana

O Taubaté estreou na fase com uma ótima vitória em cima do forte Cruzeiro e quer aproveitar o fato de atuar diante da própria torcida para abrir uma vantagem de 2 a 0 na série. "Apesar de jogarmos em casa, com a torcida a favor, acredito que eles vão atuar melhor que na partida anterior. O time do Sada Cruzeiro tem muito potencial de saque, ataque, bloqueio, então teremos de saber lidar com isso", explicou o líbero Thales.

 

Como o confronto ocorre numa melhor de cinco partidas, os mineiros sabem que precisam vencer como visitantes para evitar uma eliminação precoce. "Em Contagem, jogamos abaixo do normal, não sacamos bem e o time do Taubaté é muito qualificado. Quanto mais em uma semifinal de Superliga, não podemos entrar daquele jeito. Agora, na casa deles, temos de dar nosso máximo. Está tudo aberto. Temos muitos jogos e tudo pode acontecer”, afirmou o central Isac.

Na outra partida pela semifinal, o Sesc RJ quer empatar a série diante do Sesi-SP. Após a derrota por 3 sets a 2 em São Paulo, a intenção é manter o foco para vencer diante da torcida. "Temos de colocar tudo o que sabemos em prática, mostrar o nosso voleibol. Teremos de jogar com velocidade e paciência. O Sesi-SP também tem um elenco muito bom e precisamos ficar atentos sempre. Vamos para cima deles”, avisou o ponteiro Maurício Borges.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiSuperliga Masculina de Vôlei

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.