Divulgação/CBV
Divulgação/CBV

Seleção de vôlei sai satisfeita com atuação contra  Itália

Para Evandro, bom desempenho na defesa foi fundamental à vitória

Estadão Conteúdo

21 de junho de 2015 | 19h06

A tranquila vitória da seleção brasileira masculina de vôlei contra a Itália por 3 sets a 0, neste domingo, em Florença, pela Liga Mundial, deixou todos da equipe satisfeitos com o rendimento em quadra, mesmo fora de casa. Titular, o oposto Evandro foi o maior pontuador do jogo, com 20 acertos - 17 de ataque, dois de bloqueio e um de saque.

"Hoje (domingo) tivemos uma consistência de jogo bem legal e isso facilitou o meu trabalho. Sacamos bem, tivemos um percentual de ataque alto e conseguimos bloquear bem, algo que estávamos enfrentando um pouco de dificuldades. Com um bom desempenho na defesa, conseguimos ter um volume de jogo satisfatório", explicou Evandro.

A motivação para o jogo deste domingo já era grande pela rivalidade entre Brasil e Itália. Depois do resultado negativo no confronto passado, a equipe passou a ter ainda mais garra na busca pela vitória. "Nunca gostamos de perder. Sabemos que não fizemos um grande jogo na sexta-feira e acho que todos nós entramos com mais vontade ainda de ganhar a partida de hoje", comentou o oposto.

Também satisfeito com o resultado, o ponteiro Lucarelli destacou os pontos positivos na partida deste domingo. Jogador mais jovem em quadra, aos 24 anos, sabe que a evolução do time foi importante. "Nosso saque entrou um pouco mais. Nosso sistema defensivo, principalmente o bloqueio, também funcionou melhor e o ofensivo funcionou mais fácil. Eles tiveram alguns erros e nós conseguir jogar bem melhor hoje (domingo)", disse.

A próxima parada da seleção brasileira será a Austrália. A equipe viaja já nesta segunda-feira e enfrentará os donos da casa no próximo fim de semana - sábado e domingo. Após oito jogos, realizados nas quatro primeiras semanas da competição, o Brasil é líder do Grupo A, com 18 pontos após seis vitórias e apenas dois resultados negativos.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiLiga MundialBrasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.