Seleção feminina bate o Chile e vence segunda no Sul-Americano de Vôlei

A seleção brasileira feminina de vôlei venceu sua segunda partida no Campeonato Sul-Americano da Colômbia. Em Cartagena, as comandadas de José Roberto Guimarães precisaram de somente 1h02min para atropelar o Chile nesta quarta-feira por 3 sets a 0, com parciais de 25/16, 25/6 e 25/15.

Estadão Conteúdo

30 de setembro de 2015 | 14h53

Depois de passar pelo Uruguai na estreia, também por 3 sets a 0 (25/14, 25/11 e 25/15), a seleção confirmou o bom início de competição e já acumula dois triunfos, na ponta do Grupo B. Nesta quinta, a equipe termina a primeira fase da competição diante da Argentina, que venceu a estreia contra o Chile.

Para dar ritmo de jogo às atletas, Zé Roberto mudou quase toda a escalação para esta quarta, deixando somente Gabi entre as titulares. A levantadora Roberta, a oposto Monique, a ponteira Mari Paraíba, as centrais Carol e Adenízia e a líbero Leia completaram a equipe.

A central Carol acabou sendo a maior pontuadora do duelo, com 13 pontos, e fez um balanço sobre o resultado. "Respeitamos todos os adversários e temos sempre que dar o nosso melhor em quadra, pois estamos representando o nosso País. O Zé Roberto mexeu bastante na equipe para o jogo de hoje e isso foi positivo, pois todo o grupo ganhou ritmo de jogo. Amanhã vamos enfrentar a Argentina e temos que seguir concentradas buscando a nossa evolução."

Já o treinador preferiu ver a partida como mais um passo na preparação para os Jogos Olímpicos do Rio, no ano que vem. "Penso que faltam 310 dias para os Jogos Olímpicos do Rio e fazemos uma parte física caprichada com a equipe brasileira. O Sul-Americano é uma etapa para o próximo ano e usamos isso da melhor maneira possível. Também conversamos bastante sobre foco e postura que precisamos ter no dia a dia. Temos que seguir nesse ritmo até o final do Sul-Americano", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.